Scania lança o caminhão G 540 10×4/6 XT Heavy Tipper voltado para operações extremas

out - 21
2020
Scania-G-540-10x4-Heavy-Tipper-768x568

Scania lança o caminhão G 540 10×4/6 XT Heavy Tipper voltado para operações extremas

A Scania apresenta seu novo caminhão para operações de construção pesada e mineração, o G 540 10×4/6 XT Heavy Tipper chega com capacidade para até 55 toneladas de carga líquida. A marca diz ainda que o modelo tem despesas operacionais e de capital menores e com custo total de operação mais competitivo. A marca já aceita pedidos e as entregas começam em abril de 2021. O preço é partir de R$ 950 mil.

Ainda mais robusto

De acordo com a Scania, o G 540 10×4 Heay Tipper é fabricado com componentes ainda mais robustos que os irmãos da linha XT. Seu desenvolvimento foi baseada para atender as demandas mais severas da mineração e da construção pesada.

Linha vocacional

Até então a gama XT Heavy Tipper era composta pelos caminhões 6×4 e 8×4, agora o novo integrante é o G 540 10×4 que passa das 44 toneladas da configuração 8×4 para até 55 toneladas. O peso bruto total (PBT) sobe para 69 toneladas.

Motor

O Scania G 540 10×4 é impulsionado por um motor de 540 cavalos de potência com toque máximo de 275 kgfm. O propulsor conta com tecnologia XPI de injeção de combustível em alta pressão. O motor da Nova Geração economiza no mínimo 8% de combustível em comparação à gama anterior. O motor é ligado ao câmbio automatizado Opticruise de 14 velocidades e dispõe na alavanca do modo Off-Road, que ao ser acionado faz o propulsor girar em rotações mais amplas. A Scania diz que o lay shaft brake, freio do eixo secundário, está incorporado e garante trocas mais rápidas, seguras e suaves.

O caminhão é equipado com bogie traseiro (capacidade nominal de 36 t) e eixos direcionais (11 t cada um), eixo cardan que suporta maior torque para melhor partida em rampa, maior robustez do diferencial e do redutor de cubo com relação final 7.63, que possibilitam uma inigualável capacidade máxima de tração (CMT) de até 210 toneladas.

Segundo a Scania, o quinto eixo tem novo mecanismo de acionamento e mudou de posição sendo alojado na frente do bogie traseiro. Todo o conjunto de suspensão composto molas, barras estabilizadoras e amortecedores foram alterados para suportar a maior demanda de carga.

O sistema de direção ficou mais robusto para garantir a segurança necessária durante a operação e o freio ganhou um reforço no sistema para proporcionar melhor desempenho de frenagem.

Frenagem auxiliar

O Scania G 540 10×4 conta com o sistema de frenagem auxiliar com o freio hidráulico Scania Retarder com desacoplamento do rotor do trem de força, que funciona quando o sistema não estiver acionado para economizar combustível. Com potência de 4.100Nm, ele aumenta significativamente a performance da frenagem, principalmente em baixas velocidades.

De série

Entre os equipamentos de série do Scania G 540 10×4 estão controle de tração, hill-hold (sistema de auxílio que segura o veículo em aclives, impedindo que ele recue no momento da saída), eixo traseiro com diferencial duplo, para-choque em aço com ângulo de ataque de 29º, proteção nos faróis, espelhos retrovisores reforçados e pino de reboque frontal com capacidade de 40 t. A Scania é a única que dispõe de itens customizados para o fora de estrada, como limpador de para-brisa na posição vertical, indicadores de torque dos parafusos das rodas, degrau articulado e preparação para o inclinômetro e para a estrutura física e elétrica do implemento.

Segurança

Entre os itens de segurança que podem ser adquiridos como opcionais estão airbag no volante e airbag lateral de cortina (contra tombamento), que propiciam mais proteção aos motoristas. O veículo também pode ser especificado com bafômetro, que só libera a partida após testar que o condutor não ingeriu bebidas alcóolicas nas últimas horas.

(Fonte: Assessoria de Imprensa)