A versatilidade e a robustez dos tratores de esteiras

jan - 24
2019
tratores de esteiras

A versatilidade e a robustez dos tratores de esteiras

Projetados principalmente para terraplenagem, eles são também utilizados em escavações e para empurrar outros equipamentos e implementos

Os tratores de esteiras são equipamentos de fundamental importância no setor de construção civil, principalmente nos trabalhos de terraplenagem. Possuem capacidade de tração para terrenos pouco aderentes e trabalham em qualquer condição topográfica.

Destacam-se pela versatilidade, tanto no campo quanto nos canteiros de obras. O diferencial dessas máquinas é a força e a robustez, o que as capacita a revirar áreas profundas. Na agricultura, elas atuam em operações como aragem, gradagem pesada (desfazer grandes torrões de terra) e subsolagem (lavrar a terra até o subsolo).

O material rodante conta com rodas motoras dentadas, rodas-guia e correntes que, com elos de pinos e buchas, formam as esteiras. Elas se deslocam sobre o solo apoiadas em sapatas de aço. A diferença de velocidade entre as esteiras é a responsável pela direção. Os tratores de esteiras são divididos em categorias e modelos projetados para desempenhar funções específicas.

É importante conhecer o que cada uma das marcas pode oferecer de acordo com a necessidade de cada usuário. Esse comparativo se atém aos modelos de 15 a 20 toneladas, aproximadamente.

PRODUTOS

Caterpillar conta com dois modelos de 15 a 20 toneladas: o D6N, com peso operacional de 16.668 quilos, e o D6T, com peso operacional de 20.449 quilos. O primeiro foi projetado para trabalhar nos ambientes mais severos, como aterros sanitários. Já a lâmina do modelo D6T conquistou os usuários desse tipo de equipamento. Os usuários optam pelo D6T para todas as tarefas de laminação, escarificação, desbravamento de terras, nivelamento de acabamento, aterro de valas, construção de usinas de petróleo/gás/eólicas e trabalho em aterros. Segundo a CAT, essa máquina oferece muito das características robustas encontradas em tratores maiores, com confiabilidade e baixo custo operacional.

New Holland possui três tratores de esteira diferentes no mercado, mas dentro dessa categoria são dois: o D150B, com capacidade operacional de 15.290 a 17.240 quilos; e o D180C, com peso operacional de mais de 20 toneladas.

Os modelos da NH são chamados hidrostáticos, pois a mecânica do equipamento acontece por meio de bombas hidráulicas. Além do conforto na operação, o modelo D150B tem cabine com ar-condicionado e comando por joystick. A lâmina PAT é considerada uma inovação tecnológica, já que ela pode realizar seis movimentos. É adequada para aplicações mais leves em terraplenagem, curvas de nível e corte de terreno.

O D61 EX-15 E0 é o representante da Komatsu nessa categoria. Com peso operacional de 19 toneladas, esse trator foi projetado para ter controle preciso e eficiente, segundo a fabricante. Ele utiliza na lâmina aço de alta resistência na armação, que lhe confere grande durabilidade. O sistema de monitoramento eletrônico proporciona controle de troca de filtro e óleo, e outros códigos de falha.

A Liebherr, começa com o PR 724 Litronic, abrange variações 724 L (peso operacional que varia de 16.662 a 18.682 quilos), 724 XL (17.157 a 19.242 quilos) e 724 LGP (18.322 a 20.252 quilos). De acordo com a empresa, o modelo 724L oferece um excelente comportamento de nivelamento. Irregularidades do solo são niveladas e os impactos são efetivamente abafados, com execução simples e segura. A capacidade de lâmina varia de 3,14 a 4,27 metros cúbicos.

O modelo 724 XL possui a mesma capacidade de lâmina do modelo L, mas com peso operacional maior. Os dois modelos podem ser usados em movimentação de resíduos, escavação, área florestal e construção de linhas de tubulação. Já o modelo LGP tem capacidade de lâmina que varia entre 3,39 e 3,43 metros cúbicos, com peso operacional que ultrapassa um pouco as 20 toneladas, para trabalhos que exigem mais da máquina.

A  John Deere, possui em seu catálogo o 850 J (18.220 a 20.580 quilos) e o 750J (14.778 a 16.655 quilos), ambos com trem de acionamento hidrostático. Tanto no nivelamento de terrenos quanto trabalhando em estradas ou movimentando materiais, os equipamentos possuem acionamento extremamente suave. Com cabine à frente, o operador fica próximo à parte dianteira. A empresa reforça que as esteiras apresentam vida útil prolongada e são equipadas com cilindros que duram o dobro do tempo. Os chassis são de peça única e o material rodante traz a tecnologia da marca, o Dura-Trax™.

Fale com o Whatsapp