Segurança Retroescavadeiras

abr - 08
2018
retroescavadeiras

Segurança Retroescavadeiras

A Retroescavadeira é uma das máquinas mais versáteis e úteis  dentre as máquinas de construção, mas pode, potencialmente, ser uma das mais perigosas se não for tratada com respeito.

Desconsiderar as precauções de segurança pode custar caro de diversas maneiras. Você pode evitar problemas seguindo algumas dicas simples de segurança, tanto antes, como durante, a operação.

1. Sempre realize uma inspeção em torno do equipamento.

Verifique se há avarias na caçamba frontal e nos dentes,  no braço e caçamba traseiros e inspecionar todas as mangueiras hidráulicas. Verificar se existem vazamentos embaixo da máquina . Observe cortes nos pneus, amassados no aro e calibre os pneus com a pressão recomendada pelo fabricante.  Fazer as verificações diárias de fluidos (liquido de arrefecimento, óleo do motor, fluido de transmissão, óleo hidráulico e o indicador de restrição do filtro de ar). Observar a parte elétrica mantendo a amperagem dos fusíveis.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

-Acidentes mecânicos

– Acidentes de trânsito

-Acidentes devido a instabilidade do equipamento

– Incêndio devido a problemas elétricos

2. A operação segura começa antes de entrar no posto do operador.

A limpeza na cabine é fundamental, mantenha sempre limpa e desobstruída colocando as ferramentas e objetos nos locais apropriados. Inspecione em seus arredores e verifique as condições de funcionamento, durante o aquecimento do motor procure escutar ruídos anormais. Uma vez na cabine ajustar o banco e o volante para melhor conforto e facilidade de uso.  Se for conduzir o equipamento na estrada certifique-se que o braço esteja bloqueado e a trava no lugar. Antes de escavar, coloque o acelerador manual na posição correta. Lembre-se de ajustar os retrovisores e verificar a validade do extintor de incêndio! Use sempre o cinto de segurança.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

– Acidente de postura irregular, distancia do volante, falta do cinto de segurança, assento muito flutuante, má visibilidade, pontos cegos, etc.

-Movimento de objetos na cabine ex. garrafa térmica,frutas (coco, manga mamão),sapatos, correntes e cabos  podem interferir nos pedais ou distrair o operador.

-Escorregamento na escada e no interior da cabine devido a manchas de óleo e graxa

-Incêndio devido ao acumulo de folhas, galhos, trapos, estopa, etc.

 

 

 3 Use seus estabilizadores de forma adequada.

Ao usar o braço traseiro, os estabilizadores devem estar apoiados o suficiente para suportar o peso da máquina. Recomendamos que a caçamba frontal fique virada para baixo, levantando levemente a parte dianteira da máquina para a máxima estabilidade. Em algumas operações, é possível operar com a caçamba nivelada e apoiada no solo.

Acidentes que podem ocorrer durante a escavação

– Acidente de impacto, quando pessoas alheias ao serviço ficam no raio de ação da maquina e são atingidos pelo braço ou caçamba da retro, não permita a presença de estranhos no raio de giro do implemento.

-Atolamentos, devido à versatilidade deste equipamento muitos operadores abusam das retroescavadeiras em atoleiros, praias, charcos, pântanos e várzeas. Respeite os limites do equipamento e lembre-se de não submergir os respiros dos diferenciais e motor na água ou lama. Operações em plantações de arroz e várzeas requerem um arranjo especial como estabilizadores especiais e pranchas para aumentarem a sustentação.

-Queda na vala

-Deslocamento involuntário do equipamento

-Muito cuidado nas operações de assentamento de tubos, pessoas fora do campo de visão do operador podem ser atingidas.

– Perfuração de canos e adutoras de água ou gás.

4 Mantenha em mente as melhores práticas ao levantar objetos pesados​​.

Para levantar objetos pesados é essencial tornar a sua máquina mais estável possível. A máquina deve estar nivelada com os pneus dianteiros e traseiros levantados acima do solo por cerca de 15 centímetros. Mantenha os estabilizadores abaixados o tão distante quanto possível, sem deixar que os pneus toquem o chão. Levante utilizando equipamentos de elevação adequados e utilizar-se do olhal de elevação ou guincho existente na caçamba da retroescavadeira. Levante o objeto em marcha lenta para o máximo controle. Isso também irá permitir que você se comunique com os outros trabalhadores externos. Conheça a capacidade de carga de trabalho de seu equipamento para não exceder o peso limite. Use o braço traseiro o mais próximo do equipamento para incrementar a forca e atenção quando deslocar o mesmo para o lado.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

– Acidente de sobre carga, inclinação perigosa, desequilíbrio, rompimento de cabos, etc.

-Queda de objetos em pessoas

-Problemas de visibilidade

5 Observe os procedimentos operacionais de segurança em declives.

Nivele a máquina, tanto quanto for possível, quando estiver em posição de funcionamento, utilizando os estabilizadores  laterais e a caçamba frontal. Se você tiver que operar num plano inclinada de uma colina e não consegue um bom nivelamento, posicione o equipamento de modo a trabalhar com a caçamba traseira descarregada no sentido morro abaixo e carregada no sentido morro acima. Se estiver abrindo valas, no sentido da subida e necessitar se mover, coloque a caçamba na posição virada e cravada no solo antes de levantar os estabilizadores, isso lhe dará um maior controle sobre os freios e transmissão, impedindo a máquina se desloque para frente.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

– Desbarrancamento

– Descida descontrolada morro abaixo

– Tombamento lateral

– Inclinação de trabalho excessiva com problemas de lubrificação do motor

6 Tome precauções ao transportar materiais.

Nunca carregue mais do que a máquina possa carregar com segurança. Tente transportar os materiais com a caçamba totalmente recolhida. Se operar em estrada aberta, use o  controle de estabilidade (se equipada), e mantenha a carga o mais próximo possível do solo mantendo o centro de gravidade baixo até o momento em que você irá levantá-los ou despejá-los.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

– Acidente de transporte

– Queda de materiais na estrada

– Efeito gangorra, pendulatório.

– Visibilidade prejudicada

7 Saiba como carregar com segurança sua retroescavadeira em um caminhão.

Dependendo do ângulo de saída da rampa do caminhão, às vezes é melhor  carregar a retro de ré . Bloquear o braço na posição de transporte sempre e apoiar a caçamba para diminuir o centro de gravidade. Use quatro correntes independentes para fixar a máquina à carroceria. Acione sempre o freio de estacionamento com a maquina em funcionamento.

A falta destes cuidados pode originar os seguintes acidentes

– Acidente de transporte em cima do caminhão

-Excesso de altura no transporte

-Acidentes de encarretamento tanto no embarque quanto no desembarque.

-Problemas de amarração e fixação

-Caminhão incorreto para transporte

-Caminhão com madeirame podre ou quebrado

8.Operando a máquina no trânsito.

Acidente de trânsito  é todo evento que envolva uma máquina,  a via, o operador, pessoas ou animais e para caracterizar-se é  necessária a presença de dois destes fatores. No Brasil ocorrem milhares de acidentes com retroescavadeiras no trânsito e os operadores devem redobrar sua atenção quando em vias públicas movimentadas.

Principais causas de acidentes envolvendo a retroescavadeiras em vias públicas.

-Falta de habilitação, para operar em rodovias o Contran exige carteira de motorista classificação C,D,E e muitos de nossos operadores carecem de recursos .

-Falta de sinalização apropriada, alguns equipamentos transitam sem luzes ou refletores ou simplesmente param na rodovia e não são vistos por outros motoristas!

-Conversões inapropriadas, mudanças de sentido de direção sem sinalização de intenção de virada.

-Velocidade excessiva para determinado trecho.

-Tombamentos existem dezenas de causas e podem ocorrer devido a imperícia, falta de acessório,  velocidade, deslizamento, abalroamento,  operações de risco ,etc

-Problemas mecânicos nos freios, devido a carência de manutenção nestes equipamentos, falta de recursos ou obsoletismo muitas maquinas transitam sem a menor condição de segurança  nos freios de serviço ou nos freios de estacionamento (Lembrando que não existe fiscalização das autoridades)

-Atropelamentos são  causados por falta de visibilidade (diversos pontos cegos), falta de atenção, distração, ma intenção, imperícia ou fatalidade.

-Deslocamentos impróprios devido a problemas no freio de estacionamento podem ocorrer acidentes fatais devido ao deslocamento da maquina num desnível, durante uma inspeção do operador embaixo do equipamento, procure calcar a maquina como medida preventiva  –

– Rebocamento de outros equipamentos requerem certos cuidados, foram observados acidentes com cordas, cabos de aço, e tombamentos devido ao peso puxado ou empurrado

– Uso de substancias proibidas como álcool, calmantes e psicotrópicos.

Importante –  Ao desvirar uma retro após uma capotagem lembre-se de frear e calçar a mesma evitando movimentação involuntária.

 8.Treinamento em segurança do equipamento

Não há possibilidade de nos desenvolvermos economicamente e, consequentemente, elevarmos o nosso nível social, sem aumentarmos as nossas habilidades, sejam elas intelectuais ou técnicas. Logo, aumentar a capacitação e as habilidades dos operadores é função primordial de toda empresa.
Treinar os operadores é educar, ensinar, e mudar o comportamento, é fazer com que as pessoas adquiram novos conhecimentos, novas habilidades, é ensiná-las a mudar de atitudes. Treinar no sentido mais profundo é ensinar a pensar, a criar e a aprender a aprender. Conheça sua maquina, respeite-a e lembre-se a segurança sempre em primeiro lugar, estude e seja feliz…